Imaginemos o seguinte cenário:

  • simplicidade no cumprimento das obrigações trabalhistas,
  • rapidez e qualidade na comunicação,
  • transmissão de informações aos órgãos competentes,
  • viabilização da garantia aos direitos previdenciários e trabalhistas

Isto é, o eSocial, ou aquilo para o qual ele se propõe.

A Secretaria da Receita Federal do Brasil (RFB), a Caixa Econômica Federal (CEF), o Ministério da Previdência Social (MPS), O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) e o Ministério do Trabalho (MTb) formam a ação conjunta de entidades e órgãos do governo federal que compõem o projeto eSocial.

Com esses órgãos e entidades trabalhando em conjunto e com o respaldo do Decreto 8373/2014, que instituiu o Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas (eSocial), os empregadores passarão a comunicar ao Governo, de forma unificada, as informações relativas aos trabalhadores, como:

  • vínculos,
  • contribuições previdenciárias,
  • folha de pagamento,
  • CAT (veja o artigo “O que é CAT” ),
  • aviso prévio, e etc

Tudo isso através de transmissão eletrônica dos dados.

A prestação das informações ao eSocial substituirá o preenchimento e a entrega de formulários e declarações separados a cada ente, conforme Parágrafo 1o do Art. 2o do Decreto 8373/2014.

“§ 1º A prestação das informações ao eSocial substituirá, na forma disciplinada pelos órgãos ou entidades partícipes, a obrigação de entrega das mesmas informações em outros formulários e declarações a que estão sujeitos:
I – o empregador, inclusive o doméstico, a empresa e os que forem a eles equiparados em lei;
II – o segurado especial, inclusive em relação a trabalhadores que lhe prestem serviço;
III – as pessoas jurídicas de direito público da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios; e
IV – as demais pessoas jurídicas e físicas que pagarem ou creditarem por si rendimentos sobre os quais tenha incidido retenção do Imposto sobre a Renda Retido na Fonte – IRRF, ainda que em um único mês do ano-calendário.”

O eSocial, em resumo, é um projeto do Governo Federal que tem como objetivo ser um instrumento de unificação da prestação das informações fiscais, previdenciárias e trabalhistas e tem por finalidade a transmissão, validação, armazenamento e distribuição das informações.

Fonte:

http://portal.esocial.gov.br/institucional/conheca-o


Herbert Bento
Herbert Bento

Esse artigo foi publicado pela Equipe da Escola da Prevenção. Gostaria de debater conosco sobre esse assunto? Então venha conversar conosco no Grupo Elite da SST no WhatsApp.