Ontem falamos da NR-16 e hoje vamos andar mais uma casinha e pousar na NR-17 Ergonomia para refletir se a demanda de ergonomia vai crescer com o PGR.

Mas não vamos falar da ergonomia de forma isolada.

Vamos analisar dentro do novo contexto do PGR.

Vejamos o que diz temos sobre ergonomia na nova NR-01 que vem tratar do PGR.

“1.5.3.2.1 A organização deve considerar as condições de trabalho, nos termos da NR-17.”

Se você já me acompanha a algum tempo já sabe que o PGR vai substituir o PPRA.

Sabe também que um dos problemas do PPRA era a falta de uma citação bem direta da necessidade de se incluir os riscos ergonômicos e de acidentes.

Pois bem, o PGR acaba com esse problema com a inserção clara e evidente destes riscos.

A NR-01 também diz o seguinte:

“1.5.7.3.2 O Inventário de Riscos Ocupacionais deve contemplar, no mínimo, as seguintes

informações:”

para no item “d” dizer assim:

“d) … os resultados da avaliação de ergonomia nos termos da NR-17”

Ainda há muito a se evoluir nesse assunto da ergonomia.

O que será a avaliação de ergonomia?

É a análise ergonômica do trabalho AET ?

Ou é algo mais simplificado?

São questões que estão na mesa e com certeza serão temas para conversas mais para a frente.

Mas o título deste texto de hoje é 

A demanda de ergonomia vai crescer com o PGR? 

Na minha opinião, a resposta é sim.

As consultorias que já se especializaram e que possuem profissionais com qualificação nesse área tem bom potencial para negócios em 2021.

Acredito que será uma área que vai crescer junto com a demanda de SST como um todo, com a entrada do PGR.

Pense nisso!

A V I S O 

Até 17/12/2020 (essa quinta)

O Pendrive SST 2021 com caneta e frete por nossa conta

Vou colocar no envelope junto como o pendrive uma canetinha bem bacana, como essa da foto.

Use o link abaixo:

Eu quero essa caneta maneira

Veja também:

Vigia desarmado recebe adicional de periculosidade

Consulte as Normas Regulamentadoras no site da ENIT

Link da ENIT